Pintura artística de parede da imagem sacra “Santa Cecília ao Órgão com Dois Anjos”, realizada pelo artista italiano Gaitano Miani no ano de 1942, e localizada no mezanino central (coro) da Paróquia de São Pedro. Esta obra foi reproduzida na época com preparações diferentes, uma parte foi feita sobre a pintura anterior decorativa (denominada aqui arco externo) e outra parte foi feita no estilo afresco, sobre chapisco ainda úmido (argamassa formada pela mistura de cimento, cal e areia média e denominada aqui arco central).
 SAMSUNG DIGIMAX A503
Ocorrências:
Arco externo:
Área bem deteriorada, com grandes trechos da pintura original desgastados, quase apagados.
Causas naturais: ocasionadas por exposição ao tempo, sem proteção adequada na fase de obras da Igreja, consequentemente a pintura sofreu desgaste e descolamento, formação de escamas, trincas, rachaduras, ação por fungos, manchas por sedimentos de insetos.
Outras: ocasionadas por descuido ou agressões, tais como: arranhões, falhas, buracos, manchas, restos de tinta de parede, pingos de reboco e pichações à lápis. Um sinistro foi deliberadamente provocado, para fixação de andaime foi perfurada a parede, uma cavidade atravessando a imagem, posteriormente, esta foi coberta por cimento chapiscado e fora de nível.Arco central:
Pelo verso da parede, pode-se constatar uma estrutura em arco ao centro, evidenciando que em algum momento uma porta ou vitral, agora fechado, estivera ali.
A técnica de afresco tem boa durabilidade, portanto esta área resistiu com mais integridade as ações naturais sofridas, porém sofreu com as interferências humanas.

Tratamento:
Higienização, seguida de limpeza à seco, limpeza química aplicada em locais necessários para remoção das manchas mais resistentes. Remoção do mofo com soluções adequadas. Os pontos de sedimentos solidificados foram excluídos mecanicamente.

Fixação com adesivo transparente e de alta resistência a luz e ao calor, aplicado por toda a imagem, protegendo e rebaixando escamas.

Reconstrução com preenchimento nas áreas desgastadas pelo descolamento da pintura, assim como falhas, trincas e rachaduras. Os trechos onde foi aplicado reboco chapiscado para cobrir o sinistro foram nivelados conforme a necessidade de cada área.

Repinte em duas partes, retoque nas áreas restauradas do arco central e reforma com revitalização da pintura nas áreas restauradas do arco externo, onde a pintura desapareceu pelo desgaste, baseada no resultado de testes dos pigmentos das localidades vizinhas e em documentação fotográfica fornecida pelo contratante.
Para o acabamento foi pulverizado verniz fixador.

 site2-2
 site3-2
 site4-2
 site5
 detalhemaso